O ano de 2017 vem se apresentando com recuperação para o segmento de Mineração e Siderurgia. Nos últimos dois anos, essa indústria passou por uma forte retração no mercado mundial em função da queda do preço do minério de ferro, que já sinaliza leve reação e pode crescer até 5% neste ano.

Para o Brasil, qualquer movimento em Mineração e Siderurgia tem grande impacto. O segmento é responsável por 5% do PIB brasileiro e pode levar o país da condição de emergente para desenvolvido. Nosso país produz e comercializa em torno de 70 minerais, dos quais 21 são metais, quatro são combustíveis e 45 são minerais industriais.

Neste momento, as indústrias do setor estão revendo conceitos, otimizando recursos e privilegiando um perfil “magro e agressivo” de gestão. Nesse sentido, buscam junto à SMC soluções que gerem maior eficiência, tanto no momento de adquirir novos produtos quanto em seus processos de melhoria contínua.

Alinhada às necessidades críticas das empresas do segmento, a SMC diferencia-se principalmente pelo atendimento personalizado. Procuramos entender as particularidades de cada cliente e de cada processo para oferecer a solução mais adequada, aplicando sempre o conceito Energy Saving, que gera economia de energia para o cliente.

Por conta dessa postura temos conquistado acordos e contratos com os maiores players do segmento, aumentando o nosso market share e consolidando a marca SMC no mercado de Mineração e Siderurgia.

Max de Oliveira
Especialista de Segmento – Mineração e Siderurgia